“Berky, serás sempre o meu copiloto”

 

Rafael Berckemeyer, Bercky para os amigos, tinha 20 anos quando morreu num acidente de moto. Rafael era um jovem adepto dos desportos motorizados, que queria saber tudo dos pilotos e das suas máquinas. Ia sempre que podia aos ralis e foi aí que um dia conheceu Nicolas Fuchs.

gr13-fuchs-message-29f5

 

Um dia, disse-lhe que queria ser seu co-piloto. Nicolas Fuchs respondeu-lhe que ele deveria começar noutras funções, antes que tivesse oportunidade de realizar essa tarefa de grande responsabilidade.

Foi dessa forma que Bercky se integrou na equipa, ajudando em tudo um pouco, limpando, montando e preparando o carro. Depois, começou a realizar testes ao lado de Nicolas e dessa forma foi-se cada vez mais aproximando do seu sonho.

Quando estava a dias de o cumprir, correr ao lado de Nicolas Fuchs, em outubro de 2011, quis o destino que assim não fosse e o jovem Berckemeyer morreu num acidente. É por isso que Nicolas Fuchs tem desde esse dia inscrito no seu carro “Berky, serás sempre o meu copiloto”. Um sonho que ficou por cumprir e uma história tocante.

Advertisements

1 Comentário

Filed under Fanáticos do Rally

One response to ““Berky, serás sempre o meu copiloto”

  1. IMPORTANTE: Pedimos desculpas mas por vezes temos um problema com o servidor do portal, e sem querermos aparecem as fontes, idioma, etc na noticia.
    Esperamos resolver o problema rapidamente!
    Mais uma vez o nosso pedido de desculpas.
    Obrigado!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s